IBM Summit: Conheça o computador mais rápido do mundo

 

Recentemente, a humanidade deu mais um passo tecnológico importante: A criação do Summit, da IBM. O projeto é fruto de uma parceria entre a gigante da informática, Nvidia, e o Departamento de Energia dos Estados Unidos, que deu origem ao supercomputador mais rápido do mundo, chamado de Summit. Com ajuda de inteligência artificial e do machine learning (traduzido em português, aprendizado de máquina), a máquina promete revolucionar pesquisas científicas e o modo como lidamos com novos achados.

 

Qual é a capacidade de processamento do Summit, da IBM?

O Summit tem uma capacidade de processamento de 200 petaflops por segundo. Traduzindo, isso significa que ele pode realizar 200 quadrilhões de cálculos neste período de tempo. Isto o torna cerca de um milhão de vezes mais rápido do que um notebook doméstico regular. Dá para imaginar?

Para realizar esse incrível processo, a máquina possui uma robusta estrutura, formada por 37 mil processadores, sendo 9 mil da IBM e 28 mil da Nvidia, tudo conectado por 300 metros de fibra ótica.

 

Por que o Summit é tão importante?

A comunidade científica foi a que mais se animou com o lançamento do Summit. E não é para menos, afinal, seu anúncio oferece muito mais potencial para a pesquisa em diversas áreas do conhecimento. Selecionamos alguns pontos para que você possa entender o que faz dessa máquina tão surpreendente. Confira:

  • O Summit representa uma nova fase na corrida tecnológica entre China e Estados Unidos

Não é novidade que nos últimos anos os Estados Unidos vêm tentando se reafirmar como potência, diante da expansão tecnológica e comercial da China. Neste cenário, sabemos que o antigo supercomputador mais rápido do mundo, o Sunway TaihuLight, era chinês, o que faz com que a partir de agora tudo indique que o Summit iniciará um novo capítulo na batalha para ver quem domina o universo da tecnologia mundial.

  • O Summit permite que cientistas façam longos experimentos em pouco tempo!

Algumas pesquisas exigem anos de análises de dados até serem divulgadas para a comunidade científica.

Com o Summit, este problema está com os dias contados. Sua capacidade impressionante de processar informações e dados faz com que análises que antes levariam dias ou meses para estarem prontas, possam ser feitas em questão de horas. Isso significa que os avanços científicos chegarão muito mais rápido ao cotidiano da população mundial.

  • Inteligência artificial a favor dos questionamentos científicos

A facilidade de processamento demonstrada pelo computador da IBM tende a fazer com que cientistas façam questionamentos cada vez mais ousados e ambiciosos. Com isso, o Summit nos deixa mais próximos de grandes avanços e de respostas ainda não descobertas pela ciência.

 

Em busca de soluções tecnológicas para a sua empresa? Conte com a TND!

O Summit está disponível apenas para pesquisas científicas, mas isso não significa que você não pode contar com tecnologia de ponta no seu negócio. Aqui na TND Brasil, temos um time de especialistas pronto para indicar exatamente o que a sua empresa precisa. Entre em contato conosco e saiba mais por telefone (11) 3717-5537 ou e-mail contato@tndbrasil.com.br.

Serviços de TI para PME: 4 grandes vantagens para seu pequeno negócio

 

Os micros e pequenos negócios são de vital importância para o Brasil. Atualmente, eles estão entre os maiores geradores de emprego, renda e sustento das famílias colaborando para o impulsionamento da economia. Por outro lado, a competição diante de empresas grandes e fortemente estabelecidas ainda representa um importante desafio.

Neste contexto, os serviços de TI (tecnologia da informação) para PME (pequenas e médias empresas) surgem como uma ótima alternativa, já que facilitam os processos de gerenciamento de ambientes computacionais, oferecem serviços de consultoria e suporte, além de aperfeiçoarem diversos outros aspectos, estando cada vez mais acessíveis e cheios de potencial para aumentar a competitividade desses estabelecimentos.

 

Por que investir em serviços de TI para PME?

 A gestão com lápis e papel ficou para trás. O desenvolvimento de novas tecnologias torna crescente o alcance da informatização, com isso, investir nessa área beneficia seu negócio como um todo, tornando-o muito mais competitivo e bem posicionado, independentemente do setor. Os serviços de TI possuem potencial para transformar internamente uma empresa, ajustando sua presença no mercado e potencializando aspectos de credibilidade, confiabilidade e reconhecimento.

 

Confira algumas das vantagens de contar com este tipo de serviço:

  • Menor custo

As empresas que prestam serviços de TI para PME dispensam a necessidade de contar com um profissional dedicado exclusivamente a isto dentro da corporação. O valor dos serviços é negociado e firmado em contrato, assim como a forma de pagamento, o que torna o valor total mais favorável.

Além disso, como veremos a seguir, o valor de um contrato com uma empresa especializada inclui diversos serviços que só poderiam ser obtidos com uma equipe interna completa de TI.

  • Melhor gestão dos recursos

Empresas especializadas em projetos de TI fazem uma espécie de consultoria: elas analisam a realidade do seu negócio e apontam as soluções mais indicadas para cada cenário.

Caso sua escolha fosse contratar e manter uma equipe de TI própria, por exemplo, seria preciso escalar um grupo completo, ou seja, contando com profissionais dedicados a diferentes eventos do projeto de TI, algo que demandaria um investimento muito superior.

Deste modo, quando você terceiriza os serviços, o dinheiro do seu negócio rende mais – algo extremamente importante quando sua empresa é de pequeno porte e não tem recursos abundantes como negócios maiores e melhor estabelecidos.

  • Não é preciso investir em servidores físicos

Há alguns anos, investir em tecnologia da informação era sinônimo de inserir uma quantia considerável de dinheiro em servidores físicos, essa era a única maneira de manter o armazenamento dos arquivos a salvo.

Atualmente já não é assim. Há empresas que se encarregam da configuração de servidores e permitem o compartilhamento com mais de um cliente, reduzindo significativamente os custos, contudo mantendo a praticidade e a segurança.

Do mesmo modo, a plataforma de armazenamento em nuvem tem se tornado a escolha de grande parte dos negócios. Trata-se de uma nova maneira de guardar dados: eles ficam em um servidor externo e podem ser acessados remotamente a qualquer momento através de uma conexão à internet.

Graças aos avanços na área, uma estrutura de TI robusta está cada vez mais empresas ao alcance das empresas – inclusive das menores.

  • Proteção dos dados

Com a popularização do armazenamento em nuvem torna-se mais acessível e seguro a garantia na proteção na guarda dos dados, o que demonstra que as informações estratégicas sobre o seu negócio estarão sempre íntegras.

Em busca de quem presta serviços especializados de TI para PME? Conte com a TND Brasil,  saiba como podemos te ajudar e ligue no telefone (11) 3717-5537 ou mande um e-mail para contato@tndbrasil.com.br

5 fatos sobre inteligência artificial que você não conhecia – e que vão te surpreender

Ela está em nossas casas, carros e celulares. E, ao que tudo indica, ganhará cada vez mais protagonismo em nossas vidas. Estamos falando da inteligência artificial, que promete revolucionar a economia, os costumes e vários outros aspectos da humanidade.

Por mais em voga que esta tecnologia esteja, há fatos curiosos a respeito dela que nem todos conhecemos. Será que é o seu caso? Continue lendo para descobrir!

 

5 fatos sobre inteligência artificial que você não conhecia

  • A ideia da inteligência artificial remete à antiguidade

A inteligência artificial (também abreviado no idioma inglês como AI – Artificial Intelligence) começou a ser pensada muito antes do que você imagina – e, inclusive, antes da invenção da computação ou da eletrônica:  filósofos da antiguidade clássica já refletiam a respeito da mecanização do pensamento, principalmente os da área matemática. Contudo, a falta de meios daquela época fez com que o seu desenvolvimento de fato só acontecesse alguns séculos mais tarde.

  • A inteligência artificial desperta, ao mesmo tempo, fascinação e medo

Alguns séculos mais tarde, começou o desenvolvimento propriamente dito das primeiras ferramentas de inteligência artificial. E, de uns anos para cá, sua evolução tem sido impressionantemente rápida.

Algumas pessoas receberam estas tecnologias com entusiasmo. É o caso de Mark Zuckerberg, CEO e fundador do Facebook, mídia e rede social: em entrevistas, ele não esconde seu otimismo a respeito do futuro da AI.

Outros, em contrapartida, são mais céticos. É o caso do fundador da SpaceX empresa de sistemas aeroespaciais, e da Tesla, empresa de automóveis elétricos, Elon Musk, e do fundador da Microsoft, Bill Gates. Para estes empreendedores, a inteligência artificial precisa urgentemente de uma regulamentação que ponha limites no que pode ser desenvolvido, pelo bem da própria humanidade. Musk, por exemplo, defende a proibição das armas inteligentes.

  • A inteligência artificial faz com que máquinas tenham sentimentos humanos

Um dos fatos mais impressionantes sobre a inteligência artificial é que elas tornam máquinas gente como a gente. Recentemente, a Microsoft criou um sistema que pode sentir emoções humanas. Batizado de Xiaoice, ele é capaz de interagir como uma garota de 17 anos. Ela é, inclusive, capaz de mentir – e, quando é pega na mentira, se envergonha como uma humana.

  • A inteligência artificial permite que robôs escrevam livros e componham músicas

Foi-se o tempo no qual especialistas acreditavam que máquinas podiam assumir apenas funções mais mecânicas e repetitivas, como montar automóveis. Atualmente, há softwares que podem fazer trabalhos criativos: eles escrevem desde notas jornalísticas até livros inteiros, compõem músicas e, inclusive, criam imagens.

  • A inteligência artificial também dorme

Em humanos, o sono tem uma função restauradora. Precisamos dormir bem para recompor-nos depois de um dia atribulado e preparar-nos para o próximo.

No caso de máquinas e programas dotados de inteligência artificial, isto também procede.

Cientistas do Google programaram o Deep Mind, projeto de AI da empresa, para tirar cochilos periódicos. Os profissionais esperam que isto ajude a solução a resolver coisas que não conseguiu enquanto estava acordada.

Do mesmo modo, o Deep Mind sonha: os cientistas do Google observaram várias imagens geradas pelo programa enquanto ele dormia.

Entusiasta da tecnologia? Nós, da TND, somos especialistas nela! Entre em contato conosco e conheça as soluções de TI que dispomos para sua empresa!