Tecnologia e meio ambiente: qual a ligação?

Foto de Tecnologia e meio ambiente: qual a ligação?

Nos dias atuais, entendemos que o advento tecnológico pode trabalhar a favor dos mais diversos segmentos sociais. Mas quando tratamos da relação entre tecnologia e meio ambiente, ainda existem dúvidas sobre os pontos positivos e as possíveis falhas envolvidas.

Por isso, viemos esclarecer algumas questões acerca do assunto, demonstrando que as inovações podem sim – em muitos momentos – atuar pelo benefício da natureza e da sustentabilidade.

Tecnologia e meio ambiente realmente combinam?

Quando pensamos no futuro do planeta, entendemos que existem questões preocupantes – como a superlotação mundial – que nos afetarão dentro de alguns anos caso as medidas necessárias não sejam tomadas.

Por isso, é fundamental pensarmos em soluções eficazes para positivar o desenvolvimento do ser humano, de forma geral, propiciando a evolução das sociedades. A tecnologia surge como uma alternativa inteligente nesse cenário, demostrando que é possível tornarmos o cotidiano moderno mais sustentável, defendendo um espaço vital no qual existam as condições de vida ideais para os indivíduos em questão.

Sabemos que o ser humano, por si só, é inovador. São muitas as invenções já criadas que nos provam o quanto a tecnologia e o meio ambiente podem ajudar um ao outro.

Quais as soluções já desenvolvidas?

Trouxemos alguns exemplos de soluções bastante interessantes desenvolvidas a partir da união entre tecnologia e meio ambiente. Acompanhe:

  • Cidade inteligente: a Audi desenvolveu um projeto que prevê o desaparecimento dos congestionamentos, facilitando a vida urbana e por consequência, preservando o meio ambiente pela menor necessidade de criação de novas pistas.
  • Novo modelo de turbina eólica: a Lego uniu tecnologia e meio ambiente através de um novo tipo de energia limpa, que envolve a utilização de uma turbina eólica feita a partir de peças ecológicas, o objetivo é contribuir para a preservação do natural e assim, para uma vida mais saudável.
  • Energia limpa: cientistas canadenses criaram um projeto que transforma gordura – através de diversos processos – em gás metano!

Então, essa relação é promissora?

Claro! Temos inúmeras provas de que a tecnologia pode colaborar positivamente para o desenvolvimento da sociedade e quando falamos sobre meio ambiente, não é diferente.

Investir em tecnologia é acreditar na capacidade da inovação de ajustar diversos setores da sociedade para que possamos realmente viver um futuro melhor.

E se você quer conhecer as soluções inteligentes que a TND pode levar até o seu dia a dia, basta acessar nosso site!

 

 

Computação em nuvem: Por que escolher essa plataforma?

 

No mercado de TI, tudo está em constante movimento. Avanços e descobertas surgem de forma contínua, e por esse motivo, os profissionais da área precisam desenvolver e aprimorar habilidades, a fim de acompanhar cada novidade. Neste sentido, o surgimento da computação em nuvem (em inglês “cloud computing”) representou um verdadeiro marco – e uma transformação digital – para quem atua no segmento de Tecnologia da Informação.

Se você ainda não conhece as particularidades desta plataforma e quer entender melhor como ela funciona, confira o conteúdo informativo que a TND preparou para você!

O que é computação em nuvem?

Basicamente, o conceito de computação em nuvem abrange a capacidade de acessarmos qualquer arquivo, serviço de internet ou programa, de forma remota. Isso significa que você não precisa instalar diversos aplicativos ou ferramentas em seu computador, porque os seus documentos e projetos estarão guardados no que chamamos de “nuvem”.

O que faz um prestador de serviço desta área?

Os profissionais de cloud, como são popularmente conhecidos, são responsáveis pelo projeto, desenvolvimento e implantação da infraestrutura, e assim, prosseguem na otimização do ambiente ou dos recursos oferecidos pela nuvem. Podem ser desenvolvedores, administradores ou ainda, híbridos, o que significa que realizam atividades em geral.

Serviço na nuvem não garante a segurança digital

Em recente pesquisa realizada pela IDC (International Data Corporation), empresa que atua em consultoria de inteligência de mercado de tecnologia de consumo, foi constatado que cerca de 38% dos prestadores e provedores de serviços cloud sentem a necessidade do reforço da segurança nesta plataforma computacional. Assim, aposta-se em um investimento previsto de 23% para os próximos 2 anos.

Se você está procurando por profissionais especializados que atuam nessa área e estão comprometidos com o sucesso do seu negócio, a TND pode te ajudar! Entre em contato conosco para conhecer soluções de computação em nuvem com segurança.